“O pagamento justo à produção é uma prioridade”, diz Lara Martinho

“A aposta na diferenciação e qualificação da nossa produção é decisiva para afirmar os nossos produtos nos diferentes mercados e para assegurar um melhor pagamento ao produtor”, disse Lara Martinho, esta sexta-feira, à margem da visita que efetuou a uma exploração agrícola que aposta na produção de leite biológico na ilha Terceira.

A candidata do PS/Açores às Eleições Legislativas nacionais de 06 de outubro lembrou que, no que diz respeito aos novos mercados, “nunca se fez tanto, tendo sido abertos 58 novos mercados e abrangidos 208 produtos, o que, em comparação com anteriores legislaturas, como a do Governo PSD/CDS, significa 7 vezes mais mercados abertos e 12 vezes mais produtos abrangidos.”

No que se refere a um melhor pagamento ao produtor, a atual deputada do Partido Socialista à Assembleia da República recordou que “tem sido uma prioridade para nós, através, nomeadamente, da apresentação de uma iniciativa na Assembleia da República que pretende que sejam criados os instrumentos que permitam o pagamento justo aos produtores, em particular aos produtores de leite.”

Segundo Lara Martinho, na atual legislatura, “desenvolvemos um conjunto de medidas na defesa do setor primário dos Açores, nomeadamente no âmbito da reforma da PAC, e a propósito do POSEI, do reforço de medidas e de um envelope financeiro mais alargado.”

“O setor da Agricultura é um setor estratégico para nossa região e os Açores podem orgulhar-se de ter uma Agricultura moderna, que cada vez mais aposta em produtos de elevada qualidade, como o leite biológico, e com uma média de idade mais jovem do que a média nacional, no que concerne aos produtores”, declarou a deputada socialista.

Para Lara Martinho, “a contínua articulação entre os Açores e a República é fundamental, para que possamos potenciar os ganhos deste setor de excelência da economia nacional, e no qual a Agricultura Açoriana representa, sem dúvida, um exemplo de qualidade e de liderança no setor da produção de leite e dos seus derivados”.