Carlos César pede “votação destacada” no PS para evitar desvios no caminho

“É com grande confiança no futuro que vemos reforçada a solidariedade, ao longo destes últimos quatro anos, por parte do Governo da República, por parte de António Costa” na Região Autónoma dos Açores, solidariedade essa que foi “um sinal de que a autonomia não está sozinha”, defendeu hoje Carlos César num almoço-comício na ilha Terceira, que contou com a presença do primeiro-ministro. O líder parlamentar voltou a apelar ao voto no partido, para que se possa “renovar” e “rejuvenescer”.

O também presidente do Partido Socialista revelou que tem “confiança no futuro” e que estes quatro anos de governação valeram a pena. “Valeu a pena ter António Costa como primeiro-ministro e ficámos com a prova, ao longo destes quatro anos, que será bom para o país e para os Açores continuar a tê-lo, por isso é muito importante o voto dos açorianos”, frisou.

Carlos César recordou que todo o país, incluindo as regiões autónomas, beneficiaram “de importantes mudanças que se fizeram no plano nacional”, como o aumento do salário mínimo nacional, a extinção da sobretaxa do IRS, a diminuição do IVA na restauração, na cultura e na imprensa, o aumento do abono de família e o aumento das pensões.

“É preciso prosseguir este caminho”, alertou o líder parlamentar do PS, que explicou que tem de ser feito com “o sentido de responsabilidade que o Partido Socialista e António Costa têm demonstrado para não voltarmos para trás, para não deitarmos tudo a perder”.

“Por isso é muito importante que Portugal tenha nas próximas eleições um Governo garante de estabilidade” e, para isso, “é mesmo necessário uma votação destacada no Partido Socialista”, avisou. Segundo Carlos César, esta “grande votação” servirá para afastar a “tentação de outros partidos de nos fazerem abandonar o caminho ponderado e seguro que temos feito”.

Para além de congratular o Executivo do PS pelo “percurso do qual nos podemos orgulhar”, Carlos César teceu um grande elogio à deputada Lara Martinho, a cabeça-de-lista do partido pelos Açores às eleições legislativas de 6 de outubro: “Lara Martinho foi uma entre os melhores, uma grande deputada pela Terceira, uma grande deputada pelos Açores e uma grande deputada pelo país”. “É mais uma razão para votarmos no Partido Socialista”, asseverou.